CONFIRA 5 DICAS SIMPLES DE JUNTAR DINHEIRO PARA VIAJAR

UMA BOA VIAGEM COMEÇA SEMPRE COM UM BOM PLANEJAMENTO FINANCEIRO.

Conhecer lugares novos é um dos hobbies favoritos de qualquer pessoa no mundo. Mas essa realização do sonho, pode se tornar um pesadelo se não existir planejamento financeiro. Logo, saber como juntar dinheiro para viajar evita muita dor de cabeça e problemas durante a viagem.

Juntar dinheiro para viajar é uma das formas mais práticas e eficientes para conseguir realizar uma viagem. Seja internacional ou nacional, a realidade é que passagem, hospedagem e alimentação, além de outros gastos, pode trazer um custo alto para o viajante.

No entanto, com alguns pequenos atos de economia, é possível juntar dinheiro para viajar sem precisar abrir mão de muitas coisas do cotidiano ou gerar dívidas ao final da viagem. Adotar novos comportamentos não significa abdicar do atual estilo de vida, e sim, de redefinir prioridades.

A IMPORTÂNCIA DE SE PLANEJAR FINANCEIRAMENTE ANTES DE VIAJAR

A maioria das pessoas gostam de viajar. Ir à uma praia no litoral, conhecer uma cidade histórica, visitar um museu fora do país… as alternativas são inúmeras! Mas, mesmo com o alto número de pessoas que viajam, poucas fazem um planejamento financeiro.

A falta de organização prévia para realizar uma viagem traz muitas dores de cabeça: cartão estourado, parcelas a pagar e aperto financeiro são alguns dos problemas causados pela ausência de poupança e orçamento para viagem.

Fazer uma viagem barata não está ligada unicamente a ir a um destino que seja mais econômico. Outros aspectos também merecem atenção para que seja realizada uma viagem econômica, como:
-Pesquisar o roteiro.
-Comprar passagens antecipadamente.
-Aproveitar promoções.
-Fazer um orçamento da viagem.

COMO JUNTAR DINHEIRO PARA VIAJAR?

Estabelecer metas e formas de como juntar dinheiro são maneiras úteis para encontrar métodos eficazes de poupar para viajar dentro do estilo de vida de cada um.
No entanto, alguns pontos são essenciais para conseguir economizar.

1. Planejar os detalhes gerais da viagem

Como diria o Gato de Alice no País das Maravilhas, “quando a gente não sabe para onde vai, qualquer caminho serve”. Se não existir um motivo claro na cabeça de quem poupa, o dinheiro facilmente será gasto em outra coisa que não seja o objetivo anterior.

Além de planejar o roteiro com antecedência, é preciso que haja uma estipulação do que será feito durante a viagem. Isso ajuda a chegar no ponto final, ou seja, o local para que será a viagem.

Planejando é possível saber quanto dinheiro guardar para viajar sem que isso pese no bolso.

2. Definir lugares e roteiros mais em conta

Depois de definir o destino, pesquisar é essencial. A internet trouxe recursos maravilhosos para quem quer economizar.
Buscar promoções, cupons de desconto etc. está, literalmente, na palma da mão.
Pesquisar por hotéis, passagens, restaurantes e atrações mais em conta ajudam a realizar uma viagem inesquecível com um custo mais baixo ou dentro do valor previamente estipulado.

3. Mudar hábitos financeiros do dia a dia

Depois de ter definido o destino, realizado uma pesquisa e estipulado uma média do quanto será preciso para curtir a viagem sem ficar com o bolso zerado, é chegada a hora de mudar hábitos.
-Por exemplo, guardar moedas de trocos;
-Realizar as refeições em casa;
-buscar produtos e serviços com menor custo;
-organizar a vida financeira;
-evitar sair todos os finais de semana;
-estabelecer meta de poupança semanal ou mensal;
-encontrar uma renda extra.

Fazer essa manutenção antes de exigir um reparo, é uma ajuda enorme para que não exista uma queda econômica depois da viagem. Não mudar hábitos antes de viajar pode exigir que mude hábitos depois de viajar. Ficar com a carteira vazia é muito mais difícil do que alterar pequenos costumes.

4. Investir o que for poupado

Optar por investimentos em renda fixa que tenham alta liquidez pode ser uma boa opção para conseguir fazer o dinheiro render ainda mais para a viagem.
Algumas alternativas são: títulos públicos; CDBs e Fundos DI.

5. Manter o foco

A viagem acontece antes mesmo de acontecer efetivamente. O planejamento deve ser tão divertido quanto o passeio, por isso, é preciso encontrar maneiras que sejam plausíveis no dia a dia.
Buscar métodos que possam se adaptar a rotina faz com que o foco seja mantido sem exigir muito de quem quer juntar dinheiro para viajar.

Comentários no Facebook